"Truth is rarely pure, and never simple" - Oscar Wilde / "Não quero ter a terrível limitação de quem vive apenas do que é passível de fazer sentido. Eu não: quero é uma verdade inventada" - Clarice Lispector

Friday, October 23, 2009

Desencontros

Ultimamente a única coisa que tem me deixado triste são os desencontros. É ver que por ser assim, como eu sou, alguém de quem eu gosto muito pode se magoar, e ficar triste, e ir para longe. Me deixa triste estar longe de quem eu gosto muito. Me deixa triste fazer sofrer a quem eu gosto muito. Me deixa triste as conseqüências negativas de eu ser quem eu sou. Mas eu gosto de ser assim, como eu. Todas as coisas do mundo tem conseqüências negativas, é só ter imaginação para encontrá-las. Além do que eu ser como eu sou não é bem uma escolha. A escolha seria eu ser uma tentativa de outra pessoa. Mas eu gosto mais assim. Eu prefiro e escolho ser assim. E por isso é também minha culpa alguém se chatear comigo. Não sei se fico mais triste por conta da falta de perdão que a tristeza e a distância representam, e a falta de amor que é a origem disso tudo, ou se fico mais triste em fazer alguém tão bonito e bom sofrer. Nunca fui boa em separar as coisas.

2 Comments:

Blogger Regiane"Carrie"Alencar said...

"Todas as coisas do mundo tem conseqüências negativas, é só ter imaginação para encontrá-las" (Ótimo).
Às vezes eu penso assim, mas... eu não posso fazer nada.

October 23, 2009 7:07 AM

 
Blogger Leandro Guima said...

Concordo em tudo, Lan. Mas aprendi que a vida se encarrega de aparar as arestas. Ao questionarmos nossas ações podemos também limitá-las. É uma dubiedade intrigante. E deliciosa ao mesmo tempo.

October 23, 2009 1:55 PM

 

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home